sábado, agosto 13, 2022
InícioBloco 2Assembleia aprova aporte de R$ 12 milhões que será rateado entre beneficiários...

Assembleia aprova aporte de R$ 12 milhões que será rateado entre beneficiários e patrocinadores

Com 292 votos a favor, 87,95% dos participantes da assembleia virtual, o beneficiários titulares da SIM resolveram pela aprovação de Aporte Extraordinário por parte dos Associados, sendo estes todos os Beneficiários Titulares do Plano Novo SIM Saúde e remanescentes do Plano SIM Saúde, a ser pago em 24 (vinte e quatro) parcelas iguais, mensais e sucessivas de R$ 75,86 (setenta e cinco reais e oitenta e seis centavos), com início de pagamento em fevereiro de 2023 as quais as cobranças seguirão o mesmo rito das mensalidades do plano e regras de inadimplência e a destinação dos recursos arrecadados junto aos Associados, para um fundo contábil sob gestão da SIM, visando a devolução aos Patrocinadores e a preservação da proporcionalidade contributiva nos moldes atuais.

Veja Aqui a Ata Completa da Assembleia

APURACAO ASSEMBLEIA SIM
Resultado da apuração da votação eletrônica.

A assembleia aconteceu na sexta-feira dia 18 de fevereiro por uma plataforma digital, via internet e amplamente divulgada. As votações foram feitas com um sistema que garante que apenas os beneficiários titulares tenham votado com total sigilo e preservação da identidade.

alfeu abreu diretor
Diretor Executivo Alfeu Abreu na assembleia virtual.

A proposta de Aporte foi elaborada pelo Conselho Deliberativo em função da extrema situação financeira da SIM, decorrente especialmente da elevação dos gastos com Covid-19 que, segundo os últimos levantamentos, ultrapassaram R$ 33 milhões nos anos de 2020 e 2021. “A pandemia nos apresentou essa conta, mas podemos dizer que enfrentamos a doença, não deixamos nenhum beneficiário sem a melhor assistência possível e vencemos a batalha, pois 94% dos casos foram recuperados, embora tenhamos a lamentar 47 óbitos entre os nossos”, declarou Alfeu Abreu, Diretor Executivo da SIM.

Perguntas

Na dinâmica da assembleia os participantes puderam fazer perguntas e manifestações. Primeiro via chat do sistema e, depois, de viva voz. As perguntas foram respondidas pela presidente do Conselho Deliberativo, Fernanda de Figueiroa Freitas.

Fernanda freitas sim
Presidente do Conselho Deliberativo, Fernanda de Figueiroa Freitas coordenou a assembleia.

Um dos esclarecimentos mais importantes proporcionado pelas perguntas diz respeito a tratamento de Covid pelo SUS. A pergunta era basicamente sobre a razão da despesa da SIM se os tratamentos, em geral, foram feitos pelo SUS. Foi explicado que mesmo quando o beneficiário procura o SUS, ao detectar que a pessoa é tem um plano de saúde, o SUS cobra do plano os valores respectivos, inclusive, em alguns casos, a conta do SUS é maior do que na rede direta da SIM.

Além dos impactos relacionados à Covid-19, a presidente também comentou sobre as ações estruturantes que tem sido adotadas para reequilíbrio da Caixa de Assistência à Saúde – SIM. Além da mudança de custeio efetivada em 2019, existem estudos para avaliação de viabilidade de novas patrocinadoras, ingresso de novos beneficiários, redução de inadimplência, fortalecimento de estruturas internas de controles, com uso de ferramentas de TI que visam a otimização das despesas assistenciais.

Nas manifestações ficou evidenciado que a maioria dos beneficiários, apesar de lamentarem a atual situação financeira da SIM, compreendem as circunstâncias que a geraram. Mais do que isso, identificaram que a proposta estruturada pelo Conselho, apesar de drástica e onerosa, é a única que pode assegurar a manutenção dos planos e, consequentemente, a assistência aos beneficiários e suas famílias.

Veja os vídeos de convocação da
Assembleia em que as razões
do deficit são explicadas:

ASSUNTOS RELACIONADOS